Leonor Silveira



Nome completo: Leonor da Silveira Moreno de Lemos Gomes

Nasceu: 1970-10-28

Local de nascimento: Lisboa
Nacionalidade: Portuguesa
Dados adicionais:

Estudou no Lycée Français Charles Lepierre e licenciou-se em Relações Internacionais, na Universidade Lusíada de Lisboa (1995).
Ícone na cinematografia de Manoel de Oliveira, estreou-se ao lado de Luís Miguel Cintra em Os Canibais (1988), após o que participou, sucessivamente, em películas como A Divina Comédia (1991), Viagem ao Princípio do Mundo (1997), Party (1996), O Convento (1995), Inquietude (1998), A Carta (1999), Palavra e Utopia (2000), O Princípio da Incerteza (2001) ou Um Filme Falado (2003). Serão, porventura, Vale Abraão (1993), adaptação feita por Agustina Bessa-Luís, do romance Madame Bovary de Flaubert, e Espelho Mágico (2006), a partir de A Alma dos Ricos, também de Agustina, as suas interpretações mais significativas. Participou ainda em filmes de João Botelho, Joaquim Pinto e Vicente Jorge Silva.
Leonor Silveira desempenhou funções de assessoria no Ministério da Cultura, quando este era dirigido por Manuel Maria Carrilho (1997-2000). Foi Vice-Presidente do ICAM - Instituto do Cinema, Audiovisual e Multimédia, ao qual pertence desde 2000, de 2005 a 2007, ano em que foi renomeado Instituto do Cinema e Audiovisual e em que foi nomeada Subdiretora, tendo sido reconduzida em 2012.

Integrou ainda o júri de vários festivais de cinema, como o Festival Internacional de Curtas-Metragens de Vila do Conde (1997), o Festival Internacional de Cinema de São Paulo (Brasil) (2000) e o Festival Internacional de Cinema de Marraquexe (2003), Festival de Cinema de Cannes(2009), Festival de cinema de San Sebastien(2010)
Foi condecorada com a Comenda da Ordem do Mérito, pelo Presidente da República, Jorge Sampaio (1997), e homenageada por Mérito Artístico, pelo presidente do Governo Regional da Madeira, Alberto João Jardim (1995). Foi condecorada pelo Governo frances com a ordem Chevaleir des Arts et des Letres(2012), e foi nomeada membro da Academie des Beaux Arts do Institut de France (2011).
[Fonte: Wikipedia]

  • 201709111039_cinept_licenciatura_em_cinema_260_260
  • PUB