Tobis Portuguesa



Nasceu: 1932-06-03

Local de nascimento: Lisboa
Nacionalidade: Portuguesa
Dados adicionais:

Produtora
A Companhia Portuguesa de Filmes Sonoros Tobis Klangfilm foi criada a 3 de junho de 1932, com o intuito de apoiar e fomentar o desenvolvimento do cinema português, bem como criar uma uniformidade de processos ao nível do som e imagem, na Europa, de forma a combater o poderio norte-americano.
A Tobis, acrónimo de Tonbild-Syndikat (Sindicato do Som e Imagem), contava com um capital inicial de 1.000.000$00, inteiramente subscrito, dividido em 20 000 acções de 50$00 cada uma, sede na Avenida da Liberdade, n.º 141 e estúdios na Quinta das Conchas, no Lumiar.
Originalmente, a Tobis centrou a sua atividade na produção de filmes e na realização de trabalhos de laboratório. Durante este período, foram produzidas algumas das mais emblemáticas obras das décadas de 30, 40 e 50, sendo A Canção de Lisboa a mais referenciada.

Em 1955, verificou-se uma operação de concentração com a Lisboa Filme, uma das principais produtoras portuguesas, tendo os direitos desses filmes, cujo conjunto integra o Catálogo Tobis, passado a ser propriedade da Tobis.
A partir de 2004, a Tobis apostou numa nova área de serviços, tendo investido na aquisição de equipamento vocacionado para a transcrição para vídeo digital, utilizando ferramentas de restauro.
Em 2005, a Tobis adquiriu o capital social da Concept Films e, beneficiando dos seus equipamentos e técnicos e efetuando um forte investimento num conjunto de tecnologia inovadora, passou a poder realizar todo o tipo de operações de pós-produção de imagem e som.
[Fonte: Wikipedia]
Em 2012, a empresa angolana Filmdrehtsich comprou a Tobis.

Participações [#43]

  • 201709111039_cinept_mestrado_em_cinema_260_260
  • PUB