Peixe Lua (2000)

120 min

Drama  

Realização:  ·  José Álvaro Morais

Argumento:  ·  Jeanne Waltz  ·  José Álvaro Morais

Numa madrugada do verão de 1999, a quinze dias da data do casamento, João descobre que, afinal, já não quer casar. Os preparativos da festa estão em curso, os convites foram mandados e, ainda por cima, João desconfia que está grávida.
Perante o inesperado desta situação, João faz o que costuma fazer quando precisa de pensar: bebe.
De resto, João é disciplinada, boa aluna e pessoa de bom trato. E habituada a tomar conta de si própria. A mãe morreu há cinco anos, e os irmãos já não vivem na herdade: o mais velho, Afonso, porque, esse sim, casou e é pai de filhos, e o do meio, José Maria, menos dado a casamentos, porque foi viver para Córdova por incompatibilidades com o pai. O pai é o dr. João José, veterinário com ambições políticas que não dispõe também de muito tempo para João.
Mas, pior que tudo isto, o tio Nini, o tio-avô solteirão e inconveniente que a ensinou a duvidar de preconceitos, está a morrer.
Ora, quando João bebe, os acontecimentos precipitam-se, nem sempre da melhor maneira. E ela faz o que costuma fazer quando as coisas correm mal: pede ajuda a Gabriel. Gabriel é o rapaz que brincava com os irmãos, o afilhado pobre do dr. João José que tem dificuldade em dizer não.
João, que gosta de contas claras, decide devolver ao noivo espanhol o barco que ele lhe mandou como prenda de casamento. E, como sempre, não lhe é difícil convencer Gabriel a levá-la a Espanha.
Segundo João, quem vai ao sul de Espanha não faz um desvio por aí além se passar por Córdova. Tanto mais que Zé Maria, o irmão do meio, vai ficar encantado por rever Gabriel, ao fim destes anos todos.
Zé Maria fica perturbado. Mas disfarça, e deixa-se embarcar naquela travessia do veleiro pelos campos secos da Andalusia, João que tem pressa de esclarecer as coisas com o noivo, Gabriel que tenta convencer-se de que nada daquilo lhe diz respeito, e Zé Maria que não consegue separar-se outra vez de Gabriel.
[Fonte: Madragoa Filmes]

Peixe-Lua retrata a vida de uma família luso-espanhola ligada à tauromaquia. Numa viagem sem fronteiras, somos levados a várias regiões do sul de Portugal e Espanha. O tema fundamental é o fim da juventude e a passagem à idade adulta. Maria João (Beatriz Batarda) vive com o pai, o Dr. João José (Luís Miguel Cintra), e o velho tio Nini (Francisco Rabal) numa grande propriedade rústica. A mãe morreu há cinco anos e os seus dois irmãos já não vivem na herdade da família. O mais velho, Afonso (Afonso Melo), porque casou, e o outro, Zé Maria (Ricardo Aibéo), porque se incompatibilizou com o pai e foi viver para Córdova. Maria João tem saudades dos dias em que ela e os irmãos brincavam com Gabriel (Marcello Urgeche), o afilhado pobre do pai. Não sabe se quer casar e, como sempre, pede ajuda a Gabriel…

[Peixe-Lua depicts the life of a Portuguese-Spanish family linked to bullfighting. On a journey without borders, we are taken to several regions in southern Portugal and Spain. The main theme is the end of youth and coming of age. Maria João (Beatriz Batarda) lives with her father, Dr. João José (Luís Miguel Cintra), and her old uncle Nini (Francisco Rabal) in a large rustic property. Her mother passed away five years ago and her two brothers no longer live on the family estate. The older one, Afonso (Afonso Melo) got married, the other, Zé Maria (Ricardo Aibéo) had a falling out with his father and moved to Córdoba. Maria João misses the days when she and her brothers played with Gabriel (Marcello Urgeche), their father’s poor godson. She doesn’t know if she wants to get married and, as always, she asks Gabriel for help…]

Mais informações: Website externo

Videos [#2]:
  • Excerto [Promo]
  • Excerto [Promo]
Equipa

Imagens [#3]:
  • ...

  • ...

Dados Técnicos:
Cor | Dolby Digital | 35 mm | 1.66:1 |

Outras informações:
Editado em DVD – INTEGRAL JOSÉ ÁLVARO MORAIS – pela Atalanta Filmes em 2005

  • 201709111039_cinept_licenciatura_em_cinema_260_260
  • PUB