Lourdes Norberto



Nome completo: Maria de Lourdes Martins Norberto

Nasceu: 1932-01-28

Local de nascimento: Lisboa
Nacionalidade: Portuguesa
Sítio internet: https://pt.wikipedia.org/wiki/Maria_de_Lourdes_Norberto
Dados adicionais:

Actriz
Estreou-se em 1941, com 9 anos de idade, no Teatro Nacional (Companhia Rey Colaço/Robles Monteiro), numa adaptação para teatro de Os Maias, de Eça de Queirós, no papel de Rosider. Na mesma companhia interpretaria peças de autores como Ramada Curto, Schiller, Arthur Miller, Alfredo Cortês, Eça de Queirós (novamente em Os Maias, agora no papel de Maria Eduarda, que lhe valeu o Prémio da Crítica de 1963), Shakespeare, Tennessee Williams, Edward Albee, Miguel Franco, entre outros.
No Teatro Experimental de Cascais foi dirigida por Carlos Avilez em O Tempo e a Ira, de Osborne. De seguida passa pelo Teatro da Trindade (onde fez com Elvira Velez, em 1968/69, a Sabina Freire, de Teixeira Gomes - Prémio da Crítica; e em 1969 As Criadas, de Jean Genet - Prémio ex-aequo com as outras duas protagonistas Eunice Muñoz e Glicínia Quartin), Teatro Villaret (onde representou em 1969, com Rogério Paulo, a peça Depois da Queda, de Arthur Miller - Prémio da Crítica em 1969), Teatro Maria Matos (interpretando Tombo no Inferno de Aquilino Ribeiro, A relíquia de Eça de Queiroz, de novo com Elvira Velez como a Titi, em 1970, e Bertolt Brecht). Em 1978 regressa ao elenco fixo do Teatro Nacional, participando em peças de Valle Inclán, Marivaux, Bernardo Santareno, Miguel Rovisco ou Agustina Bessa-Luís em As Fúrias, encenador por La Féria. Com o mesmo encenador participa no musical Passa Por Mim no Rossio (1992), vencendo o Prémio de Melhor Actriz da Associação Portuguesa de Críticos de Teatro.
Em menor número foram as suas aparições no cinema português.

  • 201709111039_cinept_mestrado_em_cinema_260_260
  • PUB