Lisboa, Crónica Anedótica (1930)

N/C

95 min

Documentário   Ficção  

Realização:  ·  Leitão de Barros

Argumento:  ·  Leitão de Barros

Caleidoscópio da vida citadina, seus costumes, tipos humanos e pitorescos, através de episódios ora poéticos ora humorísticos, ora dramáticos ora testemunhatórios, animados por artistas de teatro, e tendo por lema "Como se nasce, vive e morre em Lisboa". Pela primeira vez, assuntos nacionais ao retardador...
[Fonte: José de Matos-Cruz, O Cais do Olhar]
«Lisboa, crónica anedótica» é constituído por episódios devidamente assinalados e de variável duração; correspondendo a diversas facetas da grande urbe, também eles são documentais ou de ficção ligeira – humorísticos, pitorescos, históricos, de testemunho – interpretados por numerosos artistas do teatro português e filmados nos próprios locais. Mesmo como repositório de imagens sobre um perfil citadino e seus tiques, definitivamente transformado «Lisboa» é de valor incalculável. Considerada uma das maiores obras da nossa época muda, consagra-se a tendência para converter Lisboa em inspiração privilegiada do cinema português aparecendo-nos mesmo aqui como figura única e típica.
[Panorama do Cinema Português - Cinemateca Portuguesa 1980]

Videos [#1]:
  • [Filme Completo]
Entidades [#1]:
  • Companhia Cinematográfica de Portugal · Distribuição
Exteriores [#1]:
    Lisboa |
Estreias [#1]:
  • 1930-04-01 | S. Luiz e Tivoli | Estreia
Imagens [#9]:
  • ...

  • ...

  • ...

  • ...

  • ...

  • ...

  • ...

  • ...

Dados Técnicos:
P/B | Mudo | 35 mm |

Outras informações:
Editado em DVD pela Cinemateca Portuguesa, em 2017

  • 201709111039_cinept_licenciatura_em_cinema_260_260
  • PUB