Rui Cardoso Martins



Local de nascimento: Portalegre - 1967
Nacionalidade: Português
Dados adicionais:

Escritor, Argumentista e Cronista
Autor dos romances E Se Eu Gostasse Muito de Morrer (2006), Deixem Passar o Homem Invisível (2009, Grande Prémio de Romance e Novela APE), Se Fosse Fácil Era para os Outros (2012) e O Osso da Borboleta (2014). Tem livros traduzidos em inglês, espanhol e húngaro e publicou contos em várias revistas nacionais e internacionais.
Autor do argumento e guião original de “Zona J”, que deu origem a um filme de longa-metragem com o mesmo nome (1998). Co-autor, com a sua mulher Tereza Coelho (jornalista e editora, falecida), do argumento e guião da longa-metragem “Duas Mulheres” (2009). Argumento escolhido como finalista do prémio da Sociedade Portuguesa de Autores (SPA, 2010). É autor do argumento adaptado “Em Câmara Lenta”, de Fernando Lopes. Autor da longa-metragem “A Herdade”, a ser filmada pelo realizador Tiago Guedes no início de 2017.
Foi co-fundador das Produções Fictícias, autor do programa Contra-Informação e de várias séries dramáticas e de comédia.
É jornalista e cronista do jornal Público desde a sua criação.
Com as crónicas de «Levante-se o Réu», ganhou dois Prémios Gazeta de jornalismo.
[Fonte: Arquipélago Filmes]

Participações [#7]

  • 201709111039_cinept_licenciatura_em_cinema_260_260
  • PUB