Lucília Simões



Nome completo: Lucília Cândida Simões Furtado Coelho

Local de nascimento: Rio de Janeiro - 1879
Local de óbito: Lisboa - 1962
Nacionalidade: Portuguesa
Dados adicionais:

Actriz
Filha dos actores Furtado Coelho e Lucinda Simões, estreou-se no teatro em 1895, com a peça Frei Luís de Sousa de Almeida Garrett, no papel de Maria. Contracenou com os principais actores portugueses do fim do século XIX e início do século XX, como Eduardo Brasão, Ângela Pinto, Rosa Damasceno e Adelina Abranches. Após cerca de quinze anos de ausência do teatro, reapareceu no Politeama, com a peça de Oscar Wilde, Uma mulher sem importância, em que teve um desempenho assinalável. Salienta ainda Baton, de Alfredo Cortês, escrita para ela e para João Villaret, e a participação em Casa das Boneca, de Henrik Ibsen, dirigida pela sua mãe, numa primeira representação em Portugal, e depois no Brasil. Em 1923 casa-se com o actor Erico Braga, com quem funda uma companhia teatral. Interpreta magnificamente a peça Raça de Linhares Rivas, e entre outras Mar Alto, de António Ferro. Em 1936, após a separação com Erico Braga, esta companhia dissolve-se e Lucília Simões vai para a Companhia Rey Colaço-Robles Monteiro substituir a sua mãe, na peça A Conspiradora, de Mendonça Alves. No cinema destaca A Vizinha do Lado (1945), de António Lopes Ribeiro. Quando terminou a sua carreira, integrava Os Comediantes de Lisboa, grupo dirigido por Ribeirinho. Foi agraciada com a Comenda da Ordem de Santiago.
[Fonte: Wikipedia]

  • 201709111039_cinept_licenciatura_em_cinema_260_260
  • PUB