Angola - Economia (1966)

Produção 1965/1966

N/C

50 min

Documentário  

Realização:  ·  J. N. Pascal-Angot

Argumento:  ·  J. N. Pascal-Angot

Luanda: aspectos diversos de urbanização, com referência aos surtos de construção civil. Os portos de Luanda, Porto Amboim (café), Lobito, Benguela (escoadouro do Katanga), Moçâmedes. Estaleiros e oficinas gerais do caminho-de-ferro do Lobito. Construção de pontes e novas estradas. Indústria de camionagem e transportes aéreos. Aeroporto internacional de Luanda (então, o segundo de Portugal). Barragem de Cambambe, das maiores de África. Centrais hidro-eléctricas. Exploração de diamantes e do ferro. Extracção de mármores. Indústria de fibro-cimentos. Exploração e refinação de petróleo. Indústrias da cerveja, do alumínio e das borrachas. Manufactura de cabos eléctricos. Montagem de veículos a motor. Esforço e aproveitamento de novas terras; a irrigação e o colonato como forma social de fixação do homem. O Instituo de Investigação Agronómica; sectores de pesquisa e de conselhos ao agricultor. O café, o sisal, o milho e o algodão. Óleos de palma de coconote. A cana do açúcar. Madeiras exóticas. Indústrias da celulose, da tecelagem, do algodão, da fiação de juta, das oleaginosas, dos farináceos, das bolachas e do tabaco. A pecuária; gado bovino e ovino; as estações zootécnicas; as indústrias dos lacticínios e da carne congelada; o caraculo. Indústria da pesca, do peixe congelado, dos óleos e farinhas, das conservas. A indústria do turismo, para a qual concorre um típico folclore.
[Fonte: José de Matos-Cruz, O Cais do Olhar, 1999, p.132]

Equipa

Exteriores [#1]:
    Angola |

Dados Técnicos:
Cor |

  • 201709111039_cinept_mestrado_em_cinema_260_260
  • PUB